10 de ago de 2015

Porque você precisa assistir a série Empire


A série Empire é uma das estreias mais bem sucedidas dos Estados Unidos nos últimos tempos. Logo nos primeiros episódios da primeira temporada que começou a ser exibida em Janeiro de 2015, o grande público comprou a história da família Lyon e passou a acompanhar o seriado transmitido pela FOX que contou com altos índices de audiências na sua primeira temporada, em média 12,8 milhões de pessoas por episódio, assim como no twitter com 451,270 menções da série por episódio, superando seriados de sucesso como The Walking Dead (444,029) e Scandal (354,085).

A história de Empire


O enredo de Empire se baseia na história do rapper Lucious Lyon e sua ex-esposa Cookie. Os dois sobreviviam do tráfico de drogas, mas Lucious tinha o objetivo de se tornar famoso com sua música e graças a ajuda de Cookie isso se tornou possível. Para isso Cookie assumiu os crimes de Lucious e acabou passando 17 anos na prisão enquanto seu ex-esposo Lucious Lyon se consolidou como rapper e construiu sua própria gravadora, a “Empire”. Eles tiveram 3 filhos juntos: Andre, Jamal e Hakeem.

Andre é um dos executivos da Empire e o mais ambicioso dos filhos, ele sofre do distúrbio da bipolaridade e se torna agressivo quando não toma seus remédios controladamente.

Jamal e Hakeem herdaram o talento musical do pai e também são cantores, Jamal é gay e não concorda com as atitudes de Lucious Lyon e sofre com o preconceito do pai. Hakeem é o mais novo dos três e apesar de ser talentoso é mimado e se mete em confusões frequentemente.


Lucious Lyon descobre ter uma doença sem cura que o matará no máximo em três anos e decide que precisa escolher um dos filhos para comandar a Empire, ao mesmo tempo em que Cookie consegue liberdade condicional e está disposta a recuperar tudo que é seu por direito enquanto estava presa. 

 A Receita do Sucesso


Não foi atoa que Empire logo na primeira temporada se tornou uma das principais séries atuais da televisão americana. Os criadores da série Lee Daniels e Danny Strong apostaram em temas que dificilmente não prenderia a atenção de quem procura um seriado novo para assistir. Dentre as diversas dimensões que Empire possui, separei 4 delas que com certeza são ingredientes importantes para o sucesso que a série conseguiu:

Trama de família


A história toda gira em torno da família Lyon: Lucious o patriarca, Cookie a ex-esposa, e os três filhos Andre, Jamal e Hakeem. Eles se amam, mas a busca pelo poder, a insegurança, o desejo de vingança e a instabilidade fazem com que a família sempre esteja dividida e preparada para derrubar um membro caso seja necessário. São problemas que todas as famílias enfrentam e isso causa um certo “reconhecimento” do telespectador. Empire é uma série sobre uma família na indústria musical e apesar de tudo eles ainda são uma família. O que torna a série ainda mais intrigante para quem acompanha.

Questões Sociais


A grande maioria do elenco de Empire é negra e, coincidência ou não, nos últimos meses o racismo tem sido muito discutido nos EUA em razão das diversas pessoas negras assassinadas (sem motivo algum) por policiais brancos em alguns estados do país. O movimento #BlackLivesMatter ganhou força e até foi citado na série. O racismo ainda existe no mundo todo e é mais forte em alguns lugares dele e Empire trazendo uma família negra rica como protagonistas de uma série e a grande maioria do elenco sendo negra chama a atenção das pessoas para o assunto.

Andre, o filho mais velho de Lucious Lyon sofre de transtorno bipolar e essa questão também é bem discutida na série e muito bem mostrada. Lucious não aceita que o filho tenha esse distúrbio, principalmente pelo fato da estigmatização de doenças mentais. Além de sofrer pela bipolaridade, Alex também sofre e sente excluído por não ter herdado o talento musical do pai.

Lucious também tem problemas com Jamal pelo fato do filho ser gay. Uma das cenas mais emblemáticas (pelo menos para mim) na série é sobre o flashback de quando Lucious descobre que tem um filho gay. O fato de a família Lyon ser do hip hop não ajuda em nada, afinal a cultura é repleta de machismo e Jamal precisará lidar com isso para continuar cantando.  


Música


Como disse anteriormente Empire é uma série sobre uma família no ramo musical do hip hop e por isso a música é uma parte muito importante da série. Um dos maiores compositores atuais “Timbaland” compõe as músicas inéditas de Empire e o sucesso é tanto que já foi lançado um CD com a trilha musical da primeira temporada que ultrapassou o CD “Rebel Heart” da Madonna que também tinha acabado de ser lançado nos charts da Billboard.

A FOX acertou ao produzir Glee que também era baseado na música, mas especificamente em covers e apostou no mesmo ingrediente em Empire só que dessa vez investindo em músicas originais que descrevem os personagens e dá ritmo a série.

Convidados Especiais

A cereja do bolo talvez seja os convidados especiais que dão um toque de realidade a mais em Empire, a primeira temporada conta com participações de Naomi Campbell, Jeniffer Hudson, Mary J. Blige, Courtney Love e Snoop Dogg. Alguns interpretando personagens e outros eles mesmos.
Na segunda temporada há boatos que artistas como Mariah Carey, PitBull, Alicia Keys, Lenny Kravitz e Kelly Rowland podem participar da série também. 










Além de todas essas razões já explicadas que são motivos suficientes para ficar de olho em Empire, não poderia deixar de citar o estilo dos personagens que é impecável e claro o carisma da Cookie que com unanimidade é a melhor personagem da série. Se você está a procura de alguma série nova para se apaixonar, Empire é a mais indicada!

A segunda temporada estreia em 23 de Setembro. Clique aqui caso queira assistir Empire online ou baixar os episódios de Empire

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Image Map
TECNOLOGIA BLOGGER - DESIGN POR SUSAN SANTOS | PROGRAMAÇÃO HEART IDEAS